21/04/2016 10h03 - Atualizado em 21/04/2016 10h05

Descubra Tiradentes

Com casarões coloniais, hospedagens românticas e igrejas barrocas, a cidade mineira é o cenário perfeito para férias tranquilas

Descubra Tiradentes
Felipe Carneiro A igreja de Santo Antônio é um dos mais belos templos de Minas Gerais
Créditos: Matéria IG

A Vila de São José, antigo nome da cidade de Tiradentes, é um dos destinos mais procurados do circuito histórico de Minas Gerais. Modesto, mas muito aconchegante, o local é perfeito para férias tranquilas.

 Felipe Carneiro

Busto de Tiradentes em sua cidade natal
E pode colocar tranquilidade nisso. Ao entrar na cidade o visitante se depara com um cenário rico em história. Em suas ruas calmas - todas calçadas com pedras e paralelepípedos - muitos cavalos descansam à sombra de árvores. O cenário traz paz, sem dúvida, respondendo ao anseio de quem visita Tiradentes.

 

As construções dos sobrados, solares e casas térreas são feitas com pedras, madeira e arquitetura em variações da época do Brasil Colônia. Algumas delas, bem camponesas, com pedras aparentes e tombadas pelo Patrimônio Histórico. Outras, as mais modernas (construídas nos séculos 18 e 19), têm janelas para a rua e pé direito alto. Espera-se que fiquem assim...

Tiradentes é simples e interessante. Estas características chamaram pessoas empreendedoras, hoje proprietárias das muitas pousadas e restaurantes da cidade. Aliás, são muitas hospedagens mesmo. No acesso para o centro, perde-se a conta.

Ao mesmo passo que as opções de estadia são variadas, a culinária também caminha. Os restaurantes, todos muito bons, atraem turistas de longe - alguns apenas para passar o domingo em família. As placas dos carros mostram que Tiradentes é um verdadeiro pólo turístico-gastronômico de Minas Gerais, apresentando localidades até de outros estados, em grande número.

Nem só de gastronomia vive o local. As igrejas, que trazem o requinte da arte barroca em sua totalidade, são os principais pontos de visitação, assim como o passeio de charretepelas vielas, com direito a explicação de suas construções. O mineiro proseador de sempre, o detalhista, também mora em Tiradentes. O difícil não é conseguir informações seguras sobre passeios ou datas de construções e sim terminar, infelizmente, o bom papo com um de seus moradores. O povo é extremamente acolhedor e de boa vontade. O turismo está bem implantado na cidade que leva o nome do maior herói da Inconfidência.

 Como chegar a Tiradentes:

De carro

O acesso, para quem vem do sul, é feito pelas rodovias BR-381 e BR-040. em ambas deve-se entrar na BR-265, seguindo as placas de sinalização. Quem vem do norte de Minas Gerais, a melhor opção é seguir pela BR-040, virando à direita na BR-265, em sentido à Barbacena.

De ônibus

O mais prático é tomar o ônibus para São João del Rei e, de lá, seguir com um outro até Tiradentes, ou através do passeio de Maria Fumaça. A Rodoviária de Tiradentes não comporta grande quantidade de veículos, não sendo interestadual. Para São João, ônibus diários só saem de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília.

De avião

O aeroporto mais próximo está em Belo Horizonte. Quando a opção for esta, de lá, saem ônibus diários para Tiradentes.

 

Voltar para o topo
COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA Facebook Twitter