26/04/2016 20h10 - Atualizado em 26/04/2016 20h40

Ex-Flu tem celular divulgado na Arábia e sofre com milhares de mensagens

Zagueiro Digão, do Al Hilal, não sabe até agora como vazaram seu telefone nas redes sociais: "Vou ter que trocar de número, porque não está dando", afirma

Ex-Flu tem celular divulgado na Arábia e sofre com milhares de mensagens
Digão na chegada ao Al Hilal em 2014: zagueiro virou ídolo da torcida (Foto: Divulgação)
Créditos: Matéria Globoesporte.com

O zagueiro Digão chegou à noite em um hotel na cidade de Jidá, Arábia Saudia, na última sexta-feira, e estranhou a quantidade de mensagens que recebia pelo celular. O atleta do Al Hilal, que jogou pelo Fluminense entre 2009 e 2013, viajara com o time para se concentrar para a partida do último domingo, contra o Al Ahli. Dormiu e, quando acordou, no sábado de manhã, percebeu que sete mil recados já haviam chegado no aparelho.

- Eu fiquei sem entender como descobriram meu número. Aí começaram a colocar em grupos. Grupos de torcedores do meu time, mandando palavras de apoio, grupos de torcedores de times adversários, provocando. Depois começaram as ligações, que não pararam mais, estão até agora, junto com as mensagens - explica o atleta de 26 anos. 

Mais tarde, Digão descobriu que seu número tinha sido divulgado no Twitter, mas até agora não sabe quem fez e qual foi a motivação. Segundo ele, o número de mensagens recebidas já chegou a 100 mil, o que vem tornando insustentável a situação.

- Amanhã vou ter que trocar de número, porque não está dando. Está complicado demais - afirma, em tom de brincadeira, indicando a forma como vem levando a situação: no bom humor.

E seu bom humor, aliado ao bom futebol, é que dita o sucesso de Digão até agora na Arábia. O zagueiro atua pelo Al Hilal desde 2014 e virou ídolo da torcida, mesmo sem títulos importantes (três Copas locais e um vice da Liga dos Campeões da Ásia em 2014). 

O Al Hilal ocupa atualmente a segunda colocação da Liga da Arábia Saudita e vem de derrota para o Al Ahli, líder, por 3 a 1, no último domingo. O time de Digão tem mais duas rodadas até o fim da competição para tirar a vantagem de seis pontos do primeiro lugar. Para isso, precisa vencer os dois próximos compromissos e torcer para que rival perca os seus. Se isso acontecer, vence a liga nacional no critério de desempate, pela quantidade de vitórias.

*Estagiário, sob supervisão de Thiago Dias

 

Voltar para o topo
COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA Facebook Twitter