01/12/2015 10h19 - Atualizado em 01/12/2015 10h19

Reinado do porco: carne suína ganha destaque nos restaurantes

A inauguração do restaurante do chef Jefferson Rueda especializado na carne suína atiça outras casas a apostar na iguaria

Reinado do porco: carne suína ganha destaque nos restaurantes
SUSHI COM PAPADA DE PORCO D'A CASA DO PORCO (FOTO: DIVULGAÇÃO)
Créditos: Matéria GQ

Se alguém duvidava do apreço do chef Jefferson Rueda pela iguaria, sua nova casa dá o assunto por encerrado. Há porco em uma espécie de pipoca (R$ 10), feita de pururuca e especiarias; no ceviche (R$ 17), no caso nacos de pé e rabo; e até no sushi (R$ 29) que leva um pedaço da papada. Muito rock'n'roll? Há propostas mais amenas como lámen de porco (R$ 49, na foto ao lado) e porco assado com tutu, couve e tartare de banana (R$ 42). A casa aposta em cachaças, cervejas artesanais e coquetéis, a exemplo do que une gim, vermute e fernet (R$ 29).
R. Araújo, 124, Centro, São Paulo. Tel.: (11) 3258-2578

Fast Berlin

Sanduíche schweinebrotchen, da Fast Berlin (Foto: Divulgação)

Comandado pelo empresário alemão Peter Werny, este bar aberto há alguns meses se propõe a servir pratos do dia a dia de sua terra natal. Releve os garfos de plástico e os incômodos recipientes de papel nos quais as receitas são servidas e aposte sem medo nas sugestões feitas com porco. O impronunciável sanduíche schweinebrötchen (R$ 28) é uma delas. Trata-se de uma bem equilibrada mistura de costela suína desfiada com molho à base de curry e cebolas crocantes. Para partilhar, vá de paprika schnitzel, as crocantes tirinhas de porco empanadas que chegam à mesa ao lado de batatas fritas, picles de pepino e molho de páprica (R$ 29). A carta de cervejas oferece 37 rótulos.
R. Mourato Coelho, 24, Pinheiros, São Paulo. Tel.: (11) 3064-4652

Cozinha Artagão

Barriga de porco assada com canjiquinha e quiabo do Cozinha Artagão (Foto: Divulgação)

Além do Irajá Gastrô e do Formidable Bistrot, no Rio de Janeiro, o chef Pedro Artagão tem mais uma cozinha para chamar de sua na cidade. Sem grandes pretensões, a nova casa serve receitas irrecusáveis como barriga de porco assada com canjiquinha e quiabo (R$ 67).
Av. das Américas, 4.666, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. Tel.: (21) 2431-9389

Bar da Dona Onça

Costela de porco com batata-doce e legumes crocantes, do Bar da Dona Onça (Foto: Divulgação)

Capitaneado pela chef Janaina Rueda e seu marido, o cozinheiro Jefferson Rueda, o sempre apinhado Dona Onça renovou parte do cardápio em setembro. Uma das novidades, a costela de porco com batata-doce e legumes crocantes (R$ 46) é servida só às quintas.
Av. Ipiranga, 200, Centro, São Paulo. Tel.: (11) 3257-2016 

Lima RestoBar

Butifarras criollas, do Lima Restobar (Foto: Divulgação)

Com DNA peruano, a casa do chef Marco Espinoza acaba de incluir duas receitas com porco. Espécie de sanduichinhos, as butifarras criollas combinam pão de batata, pernil de porco, cebola e pimenta (R$ 39). A segunda receita é a robusta costela suína (R$ 79).
R. Visconde Caravelas, 113, Botafogo, Rio de Janeiro. Tel.: (21) 2527-9662

Casa de Grelhados Marcos Bassi

Costelinha suína da Casa de Grelhados Marcos Bassi (Foto: Divulgação)

Sonho antigo do churrasqueiro Marcos Bassi, que faleceu em 2013, o restaurante saiu do papel em outubro sob o comando de sua mulher e suas filhas. A equipe responsável pela grelha honra o nome do restaurateur e apresenta cortes como bombom de alcatra (R$ 48), t-bone steak (R$ 68) e bife de chorizo (R$ 65) no ponto correto e com tempero na medida. Individuais na maioria, as porções são menores que as servidas no Templo da Carne, o famoso restaurante de Bassi, no Bixiga. Da lista de acompanhamentos fazem parte as batatas ao murro e o palmito assado. Abre-alas sem erro, a costelinha suína custa R$ 28 (foto). A cargo do barman Gustavo Peroni, a seção de drinques inclui receitas inventivas, a exemplo do martini com wasabi (R$ 21,50).
R. Min. Jesuíno Cardoso, 501, Vila Olímpia, São Paulo. Tel.: (11) 4301-7277 

 

Voltar para o topo
COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA Facebook Twitter